O melhor da semana no Club


Semana agitada e de muitas cores e alegria, começando com o Poder da Palavra, passando por o quê verdadeiramente queremos, ou a nossa necessidade de aplausos... Enfim! A semana foi mesmo recheada de assuntos incríveis. Confira o resumo que preparamos:


O poder da palavra

As palavras têm o poder de condensar e expressar pensamentos, emoções e, justamente por isso, ter cuidado com o seu direcionamento.

· A força da palavra está no seu sentido e nas intenções associadas a ela.

· A atenção às palavras e ao seu significado permite mais atenção e mais valor ao seu sentido.

· A leitura é fundamental para alimentar o vocabulário de cada um.

· Palavras já existentes na linguagem escrita são incorporadas à fala, dando força e promovendo significado.

· Há, ainda, o poder energético da palavra, claro ao falar com as plantas, com os animais...


Eu quero, eu posso, eu faço!

O que damos e o que recebemos, o Universo nos apoia totalmente. Seja nos pensamentos, seja no pensamento potencializado pela palavra.

· As palavras têm poder, mas a mente e a nossa capacidade de ação é que nos levam para frente.

· É importante sonhar, estabelecer metas, até a conquista dos desejos.

· Nem sempre, as coisas acontecem no tempo que queremos, mas isso independe do que queremos.

· Tudo o que nos propomos a realizar – e está no nosso controle – podemos realizar.

· É claro que há luta, que há percalços, mas é possível realizar.


Quantos aplausos eu preciso para ser feliz?

Vamos começar falando sobre para o quê batemos palmas e o que não. O que acreditamos que valha à pena focar e o que não nos obrigamos a fazer, a viver...

· Não importa o que acreditamos, o respeito e o reconhecimento às diferenças e às ações edificantes valem aplauso.

· É importante reconhecermos e aplaudirmos a nós mesmos nas coisas que acreditamos fazer bem.

· Vale o reconhecimento às pessoas que auxiliam o seu próximo, ainda que a realidade dificulte esse processo.

· O olhar para as mulheres e sua capacidade de superação frente às adversidades valem o nosso aplauso.

· O trabalho voluntário merece reconhecimento e compartilhamento.


Energia desperdiçada

Você já parou para pensar em como desperdiça seu tempo e a sua energia com cosas que não agregam ao seu dia à sua vida? Foi pensando nisso, o papo da Hora do Vício de hoje nos “cutucou” sobre como temos cuidado da nossa energia.

· O autoconhecimento ajuda a entendermos o que nos agrega e o que apenas desgasta a nossa energia.

· Este período de pandemia nos permitiu olhar com mais generosidade para como gastamos a nossa energia.

· Não vale à pena gastar energia com o que não depende de nós.

· O autocuidado quando exercitado nos permite priorizar o que nos faz bem.

· A expectativa sobre a opinião do outro nos faz gastar muita energia desnecessária.


Gostou deste resumo? Perdeu o nosso papo? Conta pra gente o que mais você quer?! Como podemos melhorar?


8 visualizações

Posts recentes

Ver tudo